Loading

Valter Bitencourt Júnior

valterbjunior57@gmail.com

Onde está o teu corpo

Ao sentir o teu corpo perto do meu

Senti calor.

Olhei nos teus olhos,

Ganhei confiança

Nessa noite serena me apaixonei…

Ao sentir teu corpo perto do meu

Comecei a te admirar

Observei tua boca,

                olhos,

         orelhas,

nariz…


De cima a baixo

Começo quase sem fim…

Porque em um certo dia,

Não cheguei a ver nem os teus pés.


  Mas onde esta o teu corpo

  Que estava perto de mim?


Valter Bitencourt Júnior